Comparativo: diferença entre um bar com autosserviço de chope X bar sem autosserviço

Implementar uma nova tecnologia, como o autosserviço de chope, nem sempre é fácil. Porque geralmente aquilo que é novo e diferente pode nos assustar um pouco. Mas, no nosso dia a dia, é fácil perceber como a tecnologia mudou nossa existência. Da comunicação às transações, a tecnologia está mudando a maneira como vivemos, consumimos e interagimos. 

Começando com caixas nos supermercados que nós mesmos passamos nossas compras, sites de viagens que conseguimos programar tudo sozinhos sem um agente de viagens e transações bancárias na palma da nossa mão com um celular são exemplos de que o autoatendimento nos trouxe muita independência, velocidade e conveniência.

As escolhas e a preferência do cliente pelo autosserviço estão sendo refletidas por decisões recentes de grandes nomes como Burger King, Starbucks, Amazon e outros que também estão dando ao mercado o que desejam. Dependendo do tipo de autoatendimento, muitas vezes vai muito além da conveniência, também traz eficiência, economiza custos e geralmente gera mais lucros. 

No século 21, realizamos muitas atividades por conta própria que costumavam ser realizadas com a ajuda de alguém e o sistema de autosserviço de chope é uma delas – pense nisso como o próximo passo das torneiras de refrigerante self-service nos restaurantes. Agora temos self-service para várias outras bebidas. 

Portanto, qual a diferença entre um bar que tem o autosserviço de chope e um bar sem o autosserviço?

Bar com autosserviço de chope X Bar sem autosserviço de chope

autosserviço-de-chope-3

As paredes de torneiras com autosserviço, simplificam o processo de servir bebidas e trazem um enorme diferencial para o estabelecimento. Afinal, quem nunca ficou com vontade de usar as torneiras que antes eram propriedade apenas dos garçons, não é mesmo? Além disso, o que antes era um processo de 7 etapas que levava até 15 minutos agora pode ser feito em menos de 20 segundos.

Bares e restaurantes SEM autosserviço de chope

bar-sem-autosserviço

Vivemos em tempos que queremos tudo na hora, e quando chegamos no bar é a mesma coisa. Mas, com bares sem autosserviço isso pode ser um tanto quanto demorado. 

Acontece mais ou menos assim: o cliente chega no bar e acha algum lugar para ficar que pode ser em uma mesa ou em pé. Aí ele precisa esperar um garçom vir perguntar o que ele deseja beber. Até que o garçom consiga chegar na mesa desse cliente, já passaram 15 minutos, mas para o cliente parece uma hora. 

Para os clientes, a espera pode ser incômoda e eles podem estar querendo poder pedir imediatamente. Essa é a experiência normal do cliente nos bares tradicionais. Em detalhes, a jornada para finalmente conseguir uma bebidas é assim:

  1. Aguardar a vez de conversar com o barman ou com o garçom;
  2. Fazer o pedido;
  3. O garçom faz um pedido no ponto de serviço, computador ou simplesmente entrega um papel com o pedido para o barman;
  4. O barman recebe o pedido daquela bebida;
  5. Caso seja um drink ele vai prepará-lo, caso seja um chope ele vai lá na torneira tirar o chope;
  6. O barman coloca a bebida na área de coleta com o recibo;
  7. O garçom pegar essa bebida e entrega para o cliente.

Após um longo dia de trabalho, seus clientes podem se sentir mais cansados ​​com o trabalho adicional de ter que esperar pela bebida. Também é importante notar que esse processo se repete toda vez que um cliente deseja uma nova bebida. É aqui que o autosserviço se destaca: a simplicidade e a conveniência da experiência do bar.

Bares e restaurantes COM autosserviço de chope

Em bares com o autosserviço, você pode permitir que seus clientes desfrutem de suas bebidas em duas etapas fáceis. Faça com que seu cliente se sinta em casa, assim como se ele fosse pegar uma cerveja na geladeira de sua casa. Nesta nova configuração, a jornada do cliente para conseguir sua bebida é assim:

  1. Faz um breve cadastro no caixa e recebe um cartão RFID
  2. Com o cartão RFID, o cliente pode acessar instantaneamente as torneiras com chope, vinhos, drinks, kombuchas, ou qualquer outro tipo de bebida disponível em torneiras de autosserviço.

Devido a essa eficiência dramaticamente aumentada, a tecnologia de bebidas de autoatendimento está mudando rapidamente o setor de bares e restaurantes e se tornando mais popular. 

Restaurantes, cervejarias, bares, galerias e até navios de cruzeiro agora desfrutam dos benefícios dos sistemas de chope self-service. As torneiras de autosserviço permite que os clientes se sirvam sem problemas, enquanto são cobrados apenas por aquilo que se servem, nem um gota a mais. Por isso, os estabelecimentos ganham mais dinheiro graças ao menor desperdício de bebidas e ao aumento das vendas de bebidas.

O que esperar financeiramente com um sistema de autosserviço de chope?

autosserviço-de-chope

Atualmente estamos vivendo em uma época em que os bares estão passando por uma fase muito difícil, que é a pandemia do coronavírus. Com isso, muitos bares estão fechados ou atendendo apenas com o delivery.

Quando os bares retornarem ao seu funcionamento pleno, muitos estarão com o dinheiro em caixa bem comprometido, o que vai dificultar recontratar funcionários e garçons.

Apesar de que o autosserviço de chope não foi criado para substituir os garçons, e sim para realocar esses funcionários para funções mais úteis, nessa época em que será difícil contratar a mesma quantidade de funcionários que antes, o autosserviço é uma excelente saída.

Antes da pandemia, a tecnologia de autosserviço já estava em um gigante crescimento. Após a pandemia, é muito lógico que esse crescimento aumente ainda mais, por conta dos vários benefícios que ela possui. Se você deseja seguir a tendência, economizar com mão de obra, e lucrar mais, eis o que você deve esperar com sua parede de torneiras com autosserviço:

  • Lucros aumentados em 50%
  • Despesas gerais reduzidas em 20%
  • Redução de resíduos para menos de 1%

Essa redução de resíduos acontece porque o sistemas self-service é mais sustentável. Por exemplo, um barril de vinho com autosserviço equivale a cerca de 120 copos de vinho com cada copo tão fresco quanto o primeiro. No geral, o vinho em barril economiza 20 garrafas de vinho – o que equivale a uma quantidade enorme de embalagens que iriam fora.

Que outras bebidas podem ser servidas com o autosserviço?

autosserviço-de-vinho

O self-service não se limita apenas a chope e vinhos. Outras bebidas que estão cada vez mais em alta nas torneiras, são:

Drinks – Os drinks populares que seu estabelecimento serve diariamente precisam de um investimento de tempo significativo por parte de seus funcionários; quando os drinks podem ser feitos e vendidos em barris, não é apenas muito mais eficiente em termos de tempo, mas também mais econômico, pois menos funcionários precisam prepará-los. Um bom exemplo de drink é o moscow mule.

Kombucha – esta bebida começou como uma novidade, mas rapidamente se tornou uma bebida muito popular e serve muito bem para as torneiras de autosserviço.

Café gelado – ao contrário do café regular, o café gelado é mais saboroso e menos ácido

Chá gelado e outros refrigerantes – Essas bebidas foram as primeiras a serem usadas no self-service (fast food, cinemas).

Seja cervejas, vinhos ou drinks, se você estiver procurando maneiras inovadoras de aumentar suas vendas de bebidas a granel, a implementação da tecnologia de autosserviço de chope é exatamente o que você está procurando.

Nós, da Enjoy.it, somos líder de mercado na tecnologia de autosserviço de chope. Faça uma cotação para o seu bar hoje mesmo.

Pronto para levar seu estabelecimento ao próximo nível?

Nós podemos ajudar.

Cubo Itaú – Alameda Vicente Pinzon, 54 • Vila Olímpia • 04547-130 • São Paulo • SP